Miopia e exposição à luz do dia

Miopia e exposição à luz do dia

Dongmei Cui, Diretor do estudo sobre miopia e tempo ao ar livre na Universidade Yat-sen de Chinesa, tem contribuido ao aplicativo dos programas nacionais para fomentar as actividades ao ar livre nas escolas. Aqui está a falar com as crianças sobre o respeito da importância de jogar ao ar livre para manter os olhos sãos.

Ter uns pais miopes joga um papel preponderante no desenvolvimento da miopia. Uma criança com os dois pais miopes tem 5/6 vezes mais possibilidades de desenvolver miopía em comparação com um menino com nenhum dos pais miopes.

Muitas são as publicações, sobre estudos familiares e dos gémeos que apoiam a componente genética da miopia, e os estudos publicados sobre o genoma em adultos que têm identificados 39 loci associados com a miopia. No entanto, o aumento exponencial da miopia nos últimos anos, tem deslocado a investigação para as causas ambientais e sua interacção com a susceptibilidade genética.

Encontrou-se uma associação entre o tempo que passa ao ar livre e a miopia em meninos e adolescentes. A cada hora por semana de aumento de tempo ao ar livre, associou-se com um 2% de reduzir a probabilidade de progressão da miopia, com maior libertação de dopamina, o que inibe o aumento axial do olho. Além disso, mais tempo ao ar livre é sinónimo de menos tempo investido em trabalhos de perto, como a leitura. O efeito protetor do tempo ao ar livre pode ser devido à luz intensa e ao ar livre, a cromaticidade da luz do dia ou o aumento dos níveis de vitamina D e dopamina.

Os estudos que se está a realizar tem como objetivo prevenir a miopia mediante o aumento da iluminação nas salas ou com agrandamento da janelas ou maior número das mesmas, inclusivé a existencia de salas ao ar livre. Também se demonstrou o aumento da miopia durante os meses de inverno com a falta de luz, em comparação com o verão.

  • Um estudo na República Chinesa levo-se a cabo em duas escolas de primária de Taiwan para ver se uma política educativa com trabalhos ao ar livre, poderia diminuir a incidência de miopia. Uma escola obrigava aos meninos a sair fora durante os recreios durante 3 horas por dia. Outra escola não tinha nenhum programa especial de tempo livre. Após 1 ano o aparecimento ou progressão da miopia encontrou-se só em 8% dos meninos, enquanto, a incidência na outra escola controle foi de 17,5%
  • Outros estudos na China, Guangzhou demonstrou que a adição de 40 minutos de actividade ao ar livre resultou com menos incidência de miopía após 3 anos de rastreamento.
  • Em toda a República Chinesa ( em algumas regiões com um 85% de prevalência de miopia) foramadoptadas medidas para incrementar actividades ao ar livre, ao redor de 14 horas à semana, para proteger da miopía. É importante nestes estudos contar com a participação dos pais nas actividades ao ar livre e durante os fins de semana e dias feriados.
  • A prevalência de miopia nos meninos rurais da R. Chinesa é de 16% enquanto que nas áreas metropolitanas chega aos 38%.
  • Para as crianças da Ásia a progressão da miopía é de -1dioptria por ano na escola de primária e de -0.5 d na escola secundária superior e estabiliza-se na pubertade. Menor idade no início da miopia relaciona-se com uma mais rápida progressão da miopia e isto conduz a um aumento da gravidade da miopía. A miopia mais elevada tem mas possibilidades de desenvolver problemas oculares significativos na idade adulta. Por isso devemos ser mas cuidadosos para a detecção temporal, aconselhando ou restringindo a utilização dos dispositivos eletrónicos e estando mais horas ao ar livre.

A miopia desenvolve-se tipicamente aos 8 anos e progride até os 16 anos com uma taxa de aproximadamente -0,5 por ano. Pelo contrário as crianças que desenvolvem miopia mas tarde na vida, não se enfrentam a tão grave taxa de progressão na adolescência.

Também estamos a notar que a miopia há 50 anos deixava de progredir aos 16 anos, enquanto actualmente a progressão contínua até os 20- 22 anos quando se terminam os estudos superiores.

A Sociedade Mundial de Oftalmología pediátrica e estrabismo ( WSPOS) recomenda aumentar a exposição à luz do dia e reduzir os trabalhos de perto como estratégia para retardar a progressão da miopia.